Categorias
Sem categoria

7 razões para migrar seus coletores de dados para o sistema Android

Muitas empresas possuem um sistema de controle de dados, onde elas armazenam todas as informações necessárias, aplicando esse controle no setor de estoque através de inventários. Podemos facilitar esse controle através de um equipamento chamado coletor de dados com o sistema Android.

Hoje, existem empresas que personalizam os coletores de dados, deixando com o visual que o cliente preferir. Fazer esse procedimento de coleta de dados não é fácil, porém, é de extrema importância para uma companhia tê-lo como método rotineiro.

Quando a gestão visa a produtividade com controle de qualidade, todo cuidado é pouco, pois nesse processo não podem existir erros. Caso eles ocorram, o operador precisará refazer o procedimento.

Coletores de dados com sistema Android

O coletor de dados é um equipamento de uso portátil, em geral, com 8 polegadas. Seu preço varia entre R$300,00 os mais simples, e pode chegar a R$ 8.000,00 os mais modernos.

Os mais caros possuem funcionalidades como: teclado de 23 teclas, tela de LCD, comunicação wireless entre outras funções. 

De modo geral, o coletor de dados serve empresas de diversos ramos como: fábricas, farmácias, lojas de varejo, companhias de logística etc.

Leia também http://sullautomacao.com.br/coletores-de-dados/coletor-de-dados-integrado-ao-erp-centralizando-e-facilitando-o-controle/

Qual a função do coletor de dados?

O coletor tem como principal função, colher dados e variadas informações do estoque. Essa coleta é feita por um operador capacitado, e conhecedor dos setores. Ele irá usar o equipamento para realizar uma leitura dos códigos de barra dos produtos.

A leitura pode ser realizada através dos leitores RFID, também pode ser feita de duas maneiras:

  • através do sistema de touch, onde o operador irá usar o teclado na tela,
  • manualmente, nesse caso o operador irá usar o teclado do coletor, e digitar o código.

O último pode levar mais tempo, o que automaticamente reduz a produtividade, e aumenta a porcentagem de erros, já que um único digito errado compromete o registro.

Com os constantes erros de digitação que acontecem durante o procedimento, as empresas pressionaram os fabricantes desenvolver sempre novos modelos de coletores de dados para otimizar sempre a produtividade e facilitasse cada vez mais o processo dos registros dos produtos.

Após fazer a coleta dos dados, as informações serão usadas em um procedimento específico, onde são estudados os controles de consumo, controle de estoque e relatórios das diversas espécies.

Entretanto, é importante salientar que conforme a tecnologia avança, as empresas não podem ficar usando métodos que possam fazer com que elas desperdicem tempo. Sob essa ótica, e sempre focando no controle de qualidade, foi desenvolvido a ferramenta para o sistema Android.

Sistema Android, a tecnologia que otimiza a produtividade

Os coletores de dados evoluíram, e passaram a obter uma forma com sistema Android, onde os procedimentos de coleta são bem mais rápidos, modernos e de fácil manuseio.

Esses tipos de coletores utilizam a mesma linha de equipamentos usados na captura e transmissão dos dados, com o auxílio operacional com base no sistema Linux, que por sua vez, é a empresa Google quem desenvolve.

O sistema Linux é usado em todo o mundo e possui várias funcionalidades. Por ser um sistema de código aberto (de livre acesso a mudanças sem bloqueios de direitos autorais), aliada ao Google que é uma das empresas mais importantes da atualidade. Graças a toda essa tecnologia, o tempo de serviço fica bem reduzido.

7 razões para migrar seus coletores de dados para o sistema Android

  1. Inovação: toda empresa que não visa automatizar seus procedimentos, sempre ficará atrás em relação as suas concorrentes.
  2. Sistema simples: feito para trazer praticidade nos processos de controle, ele une a tecnologia com a rapidez.
  3. Custo baixo e manutenção fácil: custa pouco e sua manutenção é por meio de atualizações, o que faz com que seja bem mais rápido.
  4. Maximização dos resultados: com todos os benefícios que o sistema oferece, a gestão poderá obter resultados mais precisos.
  5. Satisfação dos clientes: todo cliente que adere ao sistema Android não se arrepende, pois ele oferece agilidade nos procedimentos operacionais, com vantagens de erros mínimos e objetividade no processo de controle.
  6. Segurança: essa com certeza é uma vantagem e tanto, pois às vezes alguns coletores não proporcionam tanta segurança, e por serem máquinas, o seu tempo de vida não é tão grande, podendo com o tempo apresentar defeitos. O sistema Android possibilita a segurança total dos dados, aliado a um operador que também seja confiável.
  7. Otimiza a coleta de dados: Os inventários feitos em papel levam bastante tempo, o que faz com que a gestão fique dependente desse procedimento. Quando se tem o sistema Android acoplado ao seu controle de dados, tudo fica mais eficiente e eficaz, otimizando ao máximo a porcentagem de acertos. Além disso, as informações são transmitidas em tempo real.

Com tantas vantagens assim, fica difícil não migrar para o sistema Android para otimizar os procedimentos de controle de estoque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *